Portal da Transparência

In Portal da transparência
Portal de Transparência, governo, consulta

Apesar de ter sido apresentado no ano de 2004, muitas pessoas ainda não conhecem ou não sabem como utilizar o Portal da Transparência para obter certas informações a respeito do governo brasileiro. É importante destacar que esse é um papel fundamental para se tornar um eleitor crítico visto que, com essa ferramenta, pode-se acompanhar com bastante eficiência as últimas despesas do governo.

Por isso, se ainda não souber a usar de maneira correta essa plataforma, não deixe de conferir as informações que serão descritas a seguir a respeito do Portal da Transparência.

O que é?

O Portal da Transparência nada mais é do que uma plataforma que permite que os cidadãos brasileiros acompanhem a utilização dos recursos públicos, ou seja, todas as despesas do governo podem ser verificadas por meio dessa página assim como outras informações importantes a respeito dessa movimentação financeira.

Por apresentar esse propósito, a página é uma grande aliada dos eleitores brasileiros uma vez que é uma grande ajuda para se orientar em relação ao como o projeto orçamentário está sendo colocado em prática no país. Por meio da utilização dessa ferramenta, você poderá verificar como os principais políticos estão gerenciados os recursos.

Para visualizar o Portal da Transparência, você deve acessar esse link. Com isso será redirecionado para essa página do governo federal. Logo no primeiro momento, será possível verificar que existe uma grande diversidade de parâmetros para realizar consultas. Apesar disso, não se assuste, pois existe um manual para te ajudar.

Manual

Para acessar o manual do portal onde as informações sobre as últimas despesas do governo são disponibilizadas, basta acessar esse link. Como será possível perceber, esse documento é bastante completo e, por isso, contém as principais informações que você precisa saber sobre como utilizar essa ferramenta.

Nas primeiras páginas são apresentados pequenos trechos de introdução ao manual. Logo em seguida, você poderá visualizar o sumário com todos os tópicos abordados pelo documento. Por isso, se estiver com dificuldades em algum procedimento específico durante alguma consulta, basta procurar pela página respectiva ao assunto de interesse.

Para facilitar o seu entendimento sobre como usar o Portal da Transparência, o manual é fácil de ser compreendido, principalmente, por apresentar muitas ilustrações que deixam fáceis a tarefa de executar os passos destacados para realizar um determinado procedimento.

Informações disponíveis

Conforme já destacado, por meio dessa plataforma você conseguirá ter acesso a diversas informações sobre a utilização dos recursos públicos. A seguir, é possível conferir alguns exemplos:

  • Despesas: nessa seção o usuário conseguirá acessar todos os dados relacionados as despesas diretas do governo federal, além de algumas transferências de recursos.
  • Receitas: já a seção receita aborda todas as transações relacionadas os recursos previstos e os que foram realizados pelo governo federal.
  • Convênios: nessa opção o internauta poderá verificar as informações referente aos últimos convênios firmados pelo governo brasileiro.
  • Servidores: possibilita verificar a situação de todos os funcionários públicos do poder executivo federal.
  • Aprenda mais: e, por fim, nessa última opção, o usuário poderá visualizar uma série de informações a respeito de como utilizar o Portal da Transparência. Além disso, também pode-se acessar o glossário, fale conosco e controle social por meio dessa opção.

Consultar

A princípio, realizar consultar nessa plataforma pode parecer algo muito difícil de ser executado, contudo isso não é verdade. O primeiro passo que deve ser feito para executar uma consulta é verificar com seção se deseja obter informações, conforme as que foram descritas a pouco.

Após isso, caso queira consultar os gastos diretos do governo federal como, por exemplo, cartões de pagamento, diárias pagas, compras governamentais, contratação de obras e dentre outros, basta selecionar a opção despesas na caixa de consultar no canto superior esquerdo.

Ao selecionar essa opção, você irá visualizar uma série de possibilidades de filtros que podem ser definidos de acordo com o seu critério. Isso permite que os usuários tenham mais facilidades para encontrar informações especificas de um determinado assunto.

As modalidades de filtros são:

  • Favorecidos
    • Entes governamentais.
    • Entidades sem fins lucrativos.
    • Pessoas físicas, empresas e outros.
    • Pessoas jurídicas por atividade econômica.
  • Despesa por ação governamental.
  • Despesa por órgão, ou seja, pelo órgão que executou a despesa.
  • Tipo de despesa

Essas são algumas informações básicas que você precisa saber para realizar consultar no Portal de Transparência.

Atualizações

Caso esteja preocupado sobre a frequência em que os dados são atualizados, é importante destacar que a plataforma recebe diariamente as novas informações. Essa é uma medida fundamental para manter a viabilidade de um projeto como esse assim como também para certificar de que os usuários tenham confiança nos dados apresentados.

Diante de tantas situações confusos que o governo brasileiro apresenta, não há dúvidas de que o Portal de Transparência é uma excelente opção para analisar como estão sendo usados os recursos brasileiros. Por isso, sempre que tiver alguma dúvida sobre alguma despesa apresenta pelos políticos, utilize essa plataforma para verificar a autenticidade de tal informação.

You may also read!

Jovair Arantes PTB / GO

Cota parlamentar suspeita de Jovair Arantes PTB/GO

Cota parlamentar suspeita de Jovair Arantes PTB/GO. A cota parlamentar existe para ressarcir parlamentares de alguns gastos realizados no ato de seu mandato.

Read More...
Michel Temer

Áudio de Joesley e Temer não foi editado, conclui perícia da PF

Áudio de Joesley Batista da JBS e Temer não foi editado, conclui perícia da PF

Read More...
Presidente Michel Temer

Investigação da PF conclui que houve corrupção em caso de Temer e Loures

Relatorio parcial da PF entregue ao STF hoje (19) referente à investigação sobre o presidente Michel Temer e seu ex-assessor Rodrigo Rocha Loures conclui que houve a prática de corrupção passiva.

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu